Jadson abre o jogo sobre permanecer no Corinthians e diz o 'gostaria de deletar da vida'

jadson 111219Após atravessar uma temporada sofrendo com lesões e a reserva no elenco, armador afirmou que espera permanecer no clube em 2020

Jadson tem contrato com o Corinthians até o fim de 2020, mas seu nome é um dos cotados para deixar a equipe na próxima janela de transferências. Aos 36 anos, o meia fez um balanço de sua temporada ao deixar a Arena Corinthians neste domingo e não escondeu a decepção.

“Acho que 2019 é um ano para eu deletar da minha vida. Foi um ano meio turbulento para mim, as coisas não aconteceram como eu esperava, mas tenho de reerguer a cabeça, pensar no ano novo, em coisas melhores”.

O tom é de quem não pensa em sair. E a resposta sobre a questão foi categórica.

“Quero ficar, meu pensamento é ficar em 2020 aqui, ter mais oportunidades, tentar ajudar a equipe, como eu sempre fiz nesse tempo todo. Vamos ver o que vai acontecer em 2020”.

Para tentar explicar o motivo do insucesso em 2019, Jadson, que terminou o ano com apenas um gol marcado, não encontrou muitas justificativas.

“Acho que é mais questão de a sorte um pouco virar. Eu trabalho como todos lá, me dedico, tenho amizade com todos, não tenho problema com ninguém. É mais uma questão de sorte. Tomara que em 2020 a bola comece a entrar mais e pare de bater na trave”.

A chegada de Tiago Nunes é um fator motivacional para Jadson buscar a volta por cima. Como também já brilhou pelo Athletico-PR, o jogador do Corinthians foi buscar informações sobre o novo comandante.

“Tenho amigos lá no Athletico-PR, me disseram que é um excelente treinador, cara do bem, que tem novas ideias. Pretendo em 2020 ter essa oportunidade de trabalhar com ele, é um cara que trabalha mais a parte ofensiva. Estou na expectativa, tomara que possa dar certo no ano que vem”.

fonte: foxsports.com.br