Jornal inglês aponta lateral do Coritiba como um dos 60 melhores jovens talentos do mundo

couto 111019Yan Couto, do Coritiba, está entre os três brasileiros citados pelo The Guardian. O jogador vai disputar a Copa do Mundo sub-17, que inicia no final deste mês

O jornal The Guardian divulgou uma lista de 60 jogadores promissores no futebol mundial, nascidos em 2002. Entre os três brasileiros indicados, o lateral-direito Yan Couto, do Coritiba, foi um dos citados. Os outros dois são meia Reinier, do Flamengo, e o atacante Talles Magno, do Vasco da Gama.

O periódico inglês tradicionalmente divulga futuros atletas que podem despontar no mundo futebolístico. Nessa listagem, Yan Couto aparece como destaque dessa geração do Brasil. No texto de sua apresentação, o lateral é citado como um jogador que tem a base do futsal e de muita qualidade técnica.

"Ele não é o mais alto nem o mais forte, mas é extremamente rápido e é uma ameaça no futuro, além de ser bom defensor . Seu ponto de referência é Daniel Alves, do São Paulo, embora seu estilo de jogo seja talvez mais parecido com Rafinha, outro ex-jogador do Coritiba, que passou oito temporadas no Bayern de Munique e agora está de volta ao Brasil com o Flamengo", afirma.

Com 17 anos, Yan Couto é cria do Coxa e está no Alto da Glória desde os 10 anos. Ele é titular de suas categorias desde o início e acumula convocações para a seleção sub-15, quando disputou o Sul-Americano há dois anos, além da atual sub-17.

Ele foi convocado, no final do mês passado, para a Copa do Mundo, e se apresentou há três dias, na Granja Comary, para o período de preparação. No dia 22, a seleção embarca para Brasília, cidade sede onde o Brasil fará os dois primeiros jogos da fase de grupos. A estreia será no dia 26 de outubro, contra o Canadá, no estádio Bezerrão.

- É a primeira vez que sou convocado para um Mundial. Estou muito feliz por representar meu país em uma Copa do Mundo. Espero sair de lá campeão. Estava fazendo um treino físico a parte para chegar inteiro lá - declarou ao site oficial do Coritiba, quando recebeu a convocação.

O meia Reinier, do Flamengo, e o atacante Talles Magno, do Vasco da Gama, completam o trio brasileiro. Ambos atuam nos profissionais de seus respectivos times, na atual edição da Série A, enquanto Yan Couto subiu para o time principal somente em setembro de 2019 e ainda não foi relacionado. O lateral tem contrato até o final de 2020.

No ano passado, o The Guardian elegeu outros três brasileiros: o lateral-esquerdo Luan Cândido, do Palmeiras, o meio-campista Ed Carlos, do São Paulo, e o atacante Rodrygo, do Santos. Rodrygo, atualmente, joga atua Real Madrid, da Espanha.

Em 2017, Vinícius Júnior e Lincoln, do Flamengo, além do Paulinho do Vasco da Gama, foram os escolhidos. Vinícius Júnior está no Real Madrid, da Espanha, enquanto Paulinho joga pelo Bayer Leverkusen, da Alemanha. Lincoln continua no time carioca.

fonte: globoesporte.globo.com